Mapeamento de Processos

O IMAP realiza análise e melhoria de processos para otimizar os principais aspectos do funcionamento interno de uma organização. São levados em conta  para a estruturação dos processos as competências legais, a definição dos serviços com foco nas necessidades dos cidadãos, o desenho e a operacionalização de seus processos gerenciais, de apoio, e os principais processos de negócio do órgão ou secretaria. Versa, portanto, em uma análise sobre a forma como os principais processos da organização são definidos, estruturados, implementados, gerenciados e aperfeiçoados, para obter melhor desempenho e para melhor atender às necessidades dos cidadãos.Para alcançar estes objetivos é estruturado um projeto para cada fim, partindo de um acordo inicial entre o IMAP e o demandante, e traduzido em uma proposta executiva. Este segue como o eixo norteador do projeto e será gerenciado conforme modeladem do PMI – Project Management Intitute – na gestão de projetos.

O acompanhamento do projeto desdobra-se segundo o check-list:

  1. Descrever os dados dos processos
  2. Identificar e priorizar os problemas
  3. Identificar e priorizar as causas
  4. Identificar e priorizar soluções
  5. Propor soluções e viabilizar articulação entre os envolvidos
  6. Propor redesenho do processo e metas para o novo redesenho
  7. Acompanhar as implantações (piloto)
  8. Realizar novas medições
  9. Validar o redesenho
  10. Verificar a necessidade de sistemas de acompanhamento e medição
  11. Verificar a necessidade de mudanças estruturais e ou legais
  12. Providenciar manuais e documentação